Ética. Preconceito Racial (Tia Nastácia) e Social (Dona Benta) no Sítio do Pica-pau Amarelo

Através da leitura do livro “Reinações de Narizinho”, de Monteiro Lobato, especificamente do capítulo intitulado ‘A Zanga de Emília’, fizemos hoje algumas reflexões sobre o preconceito racial e social: a boneca Emília, criação da cozinheira do Sítio, a Tia Nastácia, manifesta seu preconceito contra as pessoas da raça negra, neste caso a sua própria ‘progenitora’; e também contra as pessoas idosas, a Dona Benta, dizendo, ‘Não gosto de velhas, nem brancas, nem pretas’.

A partir de agora, os alunos, convidados a ler outros capítulos do mesmo livro, deverão se colocar atentos a esses dois tipos de preconceitos, racial e social, presentes na obra, trazendo-os para uma discussão pontual em sala de aula.

Desejo a tod@s um ótimo trabalho.

Anúncios

Comentários desativados.