Ética e Política. Moro, Cunha e Lula | Brasil 24/7

“Se até O Globo, que não gosta de Lula, destaca os prazos discrepantes que o juiz Sergio Moro estipulou para as intimações de Eduardo Cunha e do ex-presidente, é porque algo está mesmo mudando na relação entre as elites e a Lava Jato”, avalia Tereza Cruvinel, sobre o fato de o magistrado ter dado 30 dias para que a Justiça do Rio intime Cunha em sua residência a prestar depoimento no caso da propina de R$ 5 milhões e 5 dias para que o mesmo ocorresse contra Lula; “A diferença de tratamento não pode deixar de ser tomada como uma evidência gritante da parcialidade do juiz em relação ao ex-presidente. Por que ele representaria maior risco para a Justiça do que Cunha, que conseguiu adiar por mais de um ano sua cassação? Por que havia no caso de Lula uma urgência que não se aplica ao caso de Cunha?”, questiona Tereza

Fonte: Moro, Cunha e Lula | Brasil 24/7

Anúncios

Comentários desativados.