Quando a exclusividade é impossível. Flávio Gikovate

flaviogikovatenaom_580029dca828epp

¨O ciúme, esse anseio de exclusividade, parece fazer parte de nossa natureza. É um dado biológico com o qual teremos de aprender a lidar, conviver e, em especial, minimizar seus malefícios.

É importante diferenciar o ciúme sentimental do sexual. O primeiro tem a ver com o caráter possessivo, que parece um resíduo indestrutível da nossa infância. O segundo diz mais respeito às nossas inseguranças e temores de sermos trocados por alguém mais interessante. O ciúme sentimental não implica o risco de perda e sim o desejo de ser a prioridade amorosa na vida do outro.¨

Flávio Gikovate

Assista: bit.ly/VvpVO1

Anúncios

Comentários desativados.